Internet2 - Pesquisa e Desenvolvimento

Internet2 - Pesquisa e Desenvolvimento

As pessoas adoram colocar versões nas coisas, como tradução de um evolução a numeração de seus produtos torna claro a todas as pessoas que software, produto, design foi melhorado. Com a internet não é diferente, temos a nossa internet hoje aberta ao publica e sempre criticada. O que as pessoas não sabem é sobre os novos avanços e investimentos de quase 200 organizações no mundo inteiro no que se diz a internet2 ou UCAID.

O Brasil já participa dessa iniciativa desde 99 com a Rede Rio 2 e finalidade de pesquisa entre grandes faculdades do pais e empresas, conectadas através de uma rede e fibra ótica. São Paulo também possui a sua rede com mais de 500 pesquisadores,a  Kyatera, também como fins de pesquisa.

A Internet2 propõe a expansão dos limites de educação e pesquisa, atualmente registrados. Não só a velocidade de conexão mais as funcionalidades hoje propostas, até por que você já pensou ser operado por alguém que não esteja na sala de operação? e a 15000km de distância? As experiências de hoje nesse projeto indicam que um médico pode sim, e faze como se estivesse presente. Evoluções estão sempre ocorrendo, olha a próxima dica do futuro, Bionic Lenses.

Aqui vai mais um vídeo sobre o Bionic Lenses, assunto super específico, mas que tem muito o que falar nos futuros próximos:

As comunicações e necessidades de consumidores reais podem ser completamente mudadas com esse tipo de desenvolvimento, por que a internet deixa de ser apenas um sistema de pesquisa e informações e torna uma fonte de desevolvimento humano. Imagem os avanços que se podem resultar juntando os melhores médicos do mundo em uma única sala?! As distancias e velocidades não são mais um problema, hoje a pesquisa denro dessas universidades é algo extraordinário e eficiente.

É infeliz as pessoas confundirem a Internet2 e a Web 2.0, porém não é de propósito.  O termo Internet e Web estão intimamente ligados, até por que Tim O’Reilly, indica o termo para a “nova internet”. A Web 2.0 tem a ver com o comportamento, e não com o desenvolvimento apenas, até por que o que temos hoje é a pura evolução de quem usa a internet hoje, nós mesmos.

A inteligência coletiva, entra em vogue nessa era de Cooperação e Colaboração. Empresas estão entendendo o quanto é importante o fator de disceminar a informação de maneira eficiente e clara a todos as pessoas. Redes Sociais de todos os tipos nascem a todos os momentos, e algumas deles foram tão necessárias que nasceram com o intuito de suprir necessidades cada vez maiores. As redes como YouTube, Flirck, e até mesmo o próprio Google, conquistaram segmentos do mercado digital que evoluem a cada dia.

A facilidade de acessar os seus arquivos, fotos, e videos e o poder de compatilhar com qualquer pessoa na rede, sem instalar milhões de programas, fizeram com que o comportamento dos usuários frente essa nova “tecnologia” mudasse. O que sabiamos sobre interação foi evoluído, nascemos nessa nova era, somos nativos dessas novas tecnologias e já convivemos com elas desde o nascimento.

Na Web 2.0, os usuários tem mais acesso a informações e conteúdo relevante. A presença digital de pessoas e empresas se tornou algo a ser considerado, e monitorado a cada dia, marcas, produtos podem ser sucesso ou fracasso se mal gerenciados na grande rede. Opiniões de usuários geram discussão, conclusão, conteúdo. Por isso é importante deixar de lado apenas o lado da empresa e lucro capitalista e tratar essas fontes de informação e marketing de forma adequada.

As redes sociais estão presentes a quase todos as pessoas atualmente, – Qual o seu MSN? Qual o seu Orkut – substituem a troca de telefones e scraps e sms substiuem cartas e recados de antigamente. Uma boa dia de como está o mercado hoje, segue um link do Marketing com Geléia com a apresentação Did you Know 4.0?