Decidi quebrar a aula quatro em duas partes, por que achei um conteúdo interessante na internet sobre data warehouses.

Todas as informações da empresa devem ser armazenadas em um local comum, devido a segurança da informação e facilidade de acesso. Porém todo esse tráfico deve ser ser transferido pelo meio mais comum utilizado hoje. A rede.

Exitem alguns tipos de redes, elas são classificadas pelo tipo demográfico. As pessoais mais curtas são as PANs, as Locais (LAN) mais comuns são as de escritório que tonarm a conectividade entre informação mais fácil, a MAN (Metropolitan) tem extensões maiores e podem ocupar um espaço bem mais que um escritório, e as WAN, a internet em geral, focada nas grandes distancias, cidade a cidade por exemplo.

Não sei se vocês notaram mais, a arquitetura de rede é bem estruturada. Da rede pessoal até a internet o tráfico de informação dentro desse “linha” é intenso, é por elas que os data warehouses se comunicam.

Nessa aula foi abordado a questão de investimento, quanto deve-se gastar, no hardware, software ou peopleware. Acho que isso merece um post só para ele. Aguardem que em breve postaremos mais sobre o assunto.

Como iniciei o post, achei super interessante um vídeo do Youtube comentando sobre os analistas de warehouse do próprio YouTube, uma série muito bacana de enriquecimento de marca que vale a pena conferir segue o vídeo: